Castrar ou não castrar?

Castração:

Atualmente existe uma grande preocupação com o controle populacional  de cães e gatos, e a castração é uma das formas de evitar que animais (principalmente filhotes) sejam abandonados diariamente nas ruas, portas de clínicas veterinárias, pet shops e ongs de proteção animal.

Mas, além de evitar ninhadas indesejadas, a castração também pode  trazer outros benefícios para o animal e seu proprietário. 

Confira abaixo as respostas às dúvidas mais frequentes sobre a castração de cães e gatos:

A castração deixará meu animal obeso?

Pela diminuição da ação hormonal o animal pode se tornar um pouco mais sedentário, porém o ganho de peso pós-castração depende de outros fatores, tais como: espécie, porte do animal, idade, predisposição racial, predisposição genética, hábitos alimentares e nível de atividade física.

A castração mudará a personalidade, disposição e inteligência?

A personalidade do cão não estará completamente formada antes de 1 a 2 anos de idade, por isso se houver mudança de  personalidade na cadela castrada precocemente, isso ocorreria sem a castração.

Existe algum problema associado à castração precoce?

A castração precoce pode retardar o fechamento das epífises dos ossos longos, fazendo com que fiquem um pouco mais compridos e pode fazer com que fêmeas, principalmente de raças grande e gigantes, permaneçam com vulva juvenil, o que futuramente pode levar a dermatite de prega vulvar recorrente.

Além disso, uma pequena porcentagem das fêmeas pode ter incontinência urinária quando se tornarem idosas. Isso pode ser normalmente controlado com o uso de medicações.

Minha cadela deve ter filhotes antes da castração?

Não. Não existem vantagens em se permitir uma gestação na fêmea antes da castração.

CASTRAÇÃO DE FÊMEAS:

Qual o nome da cirurgia?

Ovário-histerectomia

O que é feito na cirurgia?

Sob anestesia geral, retira-se o útero, ovários e tubas uterinas.

Como é o pós-operatório?

Duração média de 7 a 10 dias, de preferência acompanhado pelo Médico Veterinário.

Limpeza diária do local da cirurgia, com produto específico, uso de analgésicos e antibiótico até retirada dos pontos.

Dependendo do animal, pode ser indicado o uso de colar elizabetano ou roupinha pós cirúrgicanpara evitar lambedura no local da cirurgia.

Por que castrar?

A castração precoce das fêmeas, ou seja, antes do primeiro cio, reduz em até 95% as chances do animal apresentar tumor de mama na fase adulta, visto ser um tipo de tumor hormônio dependente (hormônio produzido pelos ovários);

Previne o aparecimento de piometra (doença causada pelo acúmulo de pús dentro do útero, que se não tratada a tempo, pode levar a fêmea a morte), metrite, tumor de ovário e útero, TVT (tumor venéreo transmissível)  e pseudociese (gravidez psicológica);

A fêmea não entrará mais no cio, e com isso não irá atrair os machos;

Evita a ocorrência de gravidez indesejada, e conseqüente abandono de ninhada.

CASTRAÇÃO DE MACHOS:

Qual o nome da cirurgia?

Orquiectomia

O que é feito na cirurgia?

Sob anestesia geral, retira-se ambos os testículos, preservando a bolsa escrotal.

Como é pós-Operatório?

Duração média de 7 a 10 dias, de preferência acompanhado pelo Médico Veterinário.

Limpeza diária do local com produto específico,  uso de analgésicos e antibiótico, até retirada dos pontos (no caso de cães).

Dependendo do animal, pode ser indicado o uso de colar elizabetano ou roupinha pós cirúrgicanpara evitar lambedura no local da cirurgia.

Por que castrar?

Se realizada durante a juventude (cães e gatos), a castração dos machos evita/diminui hábitos  inconvenientes como demarcação de território com urina.

O animal tende a ficar mais calmo;

Evita brigas por dominância  e disputa por território, em locais onde convivem vários animais juntos;

Evita fugas de casa atrás de fêmeas no cio e conseqüente brigas, atropelamentos, envenenamentos, bem como contágio com algumas doenças infeciosas transmitidas pela saliva/mordida, como Fiv e Felv nos gatos e Raiva nos cães e gatos.;

Previne doenças como tumor de próstata e conseqüente hérnia perineais e perianais (principalmente nos cães), tumor de testículo, TVT (tumor venéreo transmissível), uma vez que o animal não irá mais acasalar.

 LEMBRE-SE, A CASTRAÇÃO É UM ATO DE AMOR!

No Comments Yet.

Leave a comment